Roída de homenagem

Era bom estar num hotel minúsculo de Paris lá para os lados do Quartier Latin ou do Marais, com pátios e mansardas e com o corrimão das escadarias de ferro forjado, um daqueles hotéis que falham as modernidades dos equipamentos sofisticados. Mas não, hoje é um dia como os outros, cheio de jogos de paciência…

Em Key West

Hemingway, foi uma lenda de autor. Nasceu com inteligência e com um poder de expressão excepcional. Na escrita foi prático, pouco dado a devaneios. Gostava de escrever á mão, frases curtas num estilo tenso com poucas emoções e pouca adjectivação. Escreveu sobre o amor e sobre a morte. Sobre a guerra e a violência. A…

Os dias que vêm

Portugal, país generoso em beleza. País inconclusivo, desenrascado, improvisado, com lugares em que tudo ainda prevalece provinciano desde a musica á decoração. País feito de um povo que é uma mistura de escassez e de prodigalidade, de muitas tristezas sem vestígios de nobreza, de gente que torna a conversa muitas das vezes atropelada, insubordinada e…

“Parasitas”, um lugar da memória

Nesta manhã que já vai alta o silêncio cobre tudo e amassou o Sol, a cidade é um caminho limpo como poucos, certinho, sem gentes nem carros a paisagem é nítida, tudo está sereno. Disponho do meu tempo elego dois ou três livros e uns filmes que resistiram á passagem do tempo. O que  leva …

A light that was gone still burning strong

Por uma imponderabilidade da existência o presente é um exercício que contraria a lógica, nega as tendências, desfaz as previsões. Neste momento ,vive-se uma lentidão imposta   incompatível com a exasperada aceleração da nossa vida contemporânea. A princípio, fica-se com uma expressão tensa de sentido reprimido e a voz vai desfilando o que não nos entretem…

“1917”, é um grande filme dos nossos dias. Sam Mendes, transformou o inferno pútrido e pardacento do primeiro confronto dos tempos modernos, numa narrativa sem emendas. O fragmento de um episódio real; a história de um soldado criou a encenação de uma missão de 24 horas que nos contamina em tudo. É um filme sobre as…

Na terra dos mil lagos

Sanna Marin tem 34 anos e tem tempo para ter 34 anos. É a mais jovem primeira ministra do mundo, escolhida pelo partido social democrata. Tem uma filha e foi a primeira pessoa da família a frequentar a universidade. Não é estranho haverem mulheres a ocuparem cargos de responsabilidade na política e em outros sectores…

O eterno Verde

Longe vão os tempos em que os relatos dos viajantes enfatizavam constantemente a abundância e a prosperidade dos cenários da natureza das “ novas terras” que contrastavam com a paisagem de não prosperidade no resto da Europa. Mais tarde, as estravagâncias da revolução industrial que fizeram de vários lugares, joias vinculadas ao consumo, são agora…

Corazón

O que quero saber da Catarina não cabe aqui: quero saber como é que numa vida normal cabe tanta ambição sem deixar, de parecer qualquer coisa de doméstico, de habitual e repousante . Quero saber, como fazer de todo o conhecimento e de todo o mundo que já se viveu uma povoação ou uma rua…

Pulp Fiction ; a matter of history

Não se esquece Pulp Fiction. Quentin Tarantino escreveu e dirigiu um filme que foi uma revolução no cinema e que se tornou num símbolo cultural do futuro. Pulp Fiction fez história. A credibilidade e auto-confiança das personagens cómicas e improváveis que se apresentam na história fora da ordem cronológica , revelam e confrontam-nos com o…

Histórias Antigas
Instagram has returned invalid data.